Residencial para 192 famílias no Paulo Coelho Machado deverá ter ‘irmã gêmea’ em terreno ao lado, diz Prefeitura

Agência de habitação e prefeito Marquinhos Trad visitaram obra quase concluída neste domingo

O terreno pertencente ao município de Campo Grande bem ao lado do futuro Residencial Armando Tibana pode receber mais 192 unidades habitacionais no mesmo modelo, segundo informou na manhã deste domingo (16) o diretor-presidente da Amhasf (Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários), Enéas Neto.

O anúncio foi feito durante uma vistoria do Armando Tibana, cujas obras estão com 82% de conclusão e devem ser entregues em julho. “O processo administrativo para a doação do terreno está realizado e agora aguardamos a liberação de recursos por parte do governo federal. Será mais um residencial que vai atender pelo menos mais 500 pessoas com a casa própria”, explicou Neto.

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) também esteve na visita e aproveitou para pedir harmonia entre as famílias em prol da boa convivência em coletividade. “Que a chave que vai abrir a moradia de cada um de vocês seja a mesma que vai cultivar o amor e ensinar os filhos a respeitar pai, mãe, com educação”, disse o prefeito.

A obra é executada com recursos do programa Minha Casa Minha Vida – Entidades e tem como entidade organizadora a Conssol Construção, em parceria com a Amhasf. O governo estadual também é parceiro do empreendimento.

Além da doação do terreno avaliado em mais de R$ 2 milhões, o município realiza investimento de pelo menos R$ 300 mil na infraestrutura externa como asfalto, esgoto e drenagem.

Cada unidade terá 47 metros quadrados, divididos em cozinha, sala, 2 quartos e banheiro. Pelo menos três desses apartamentos já estão adequados para receber moradores com deficiência, que possuem necessidades especiais de mobilidade. Ao todo, são 12 blocos com 16 apartamentos, cada.

Além desta obra, a Prefeitura de Campo Grante também prevê para entrega em 2020 obras dos residenciais Canguru, Rui Pimentel, Sírio Libanês, Aero Rancho, Laranjeiras, Jardim Mato Grosso, Inápolis e Bom Retiro.

(Com informações da assessoria)

Mais notícias