Reforma no gabião do lago do Parque das Nações deve ser finalizada em três meses

Autoridades vistoriariam as obras nesta segunda-feira

A reforma de recuperação do gabião do lago do Parque das Nações deve ser finalizada em aproximadamente três meses. O prazo é estabelecido pelas autoridades que vistoriaram o local nesta segunda-feira (22) e acompanharam boa parte do andamento da obra.

As obras preveem a recomposição da estrutura em gabião na barragem do lago principal, visando estabilizar a estrutura e impedir a continuidade do desprendimento das pedras. O nível de água no lago só deve voltar à normalidade conforme o andamento da construção.

Já nas pontes, as reformas serão nas estruturas de contenção das cabeceiras, incluindo o aterro de proteção dos blocos de fundação. Após essa etapa, uma nova estrutura do gabião será feita para conter o solo que recobre os elementos de fundação.

“Estamos terminando projeto para intervenção na cabeceira da microbacia do córrego Prosa, nas nascentes Joaquim Português e Desbarrancado e devemos ter novidades na próxima semana para esta etapa de desassoreamento do lago principal, realizada com a prefeitura de Campo Grande”, explica o secretário da (Secretaria de , Desenvolvimento Econômico, Produção e Familiar), Jaime Verruck.

Outro ponto que está sendo reformado no Parque das Nações é a passarela que vai contemplar o monumento do Cavaleiro Guaicuru, no lago principal do parque. A antiga passarela que foi construída com estrutura de madeira, foi retirada e uma está sendo erguida.

Reforma no gabião do lago do Parque das Nações deve ser finalizada em três meses
Mais notícias