PMA autua pecuarista em R$ 20 mil por desmatamento ilegal em área protegida

Fazendeiro foi notificado a apresentar Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada

Um desmatamento ilegal em área protegida de reserva legal no município de Caracol foi localizado, quando Policiais militares ambientais de Bela Vista realizaram fiscalização em uma fazenda, neste sábado (7). A supressão ilegal de quatro hectares de vegetação nativa de cerrado foi levantada por imagem de satélites e a área já estava com plantio de pastagem.

Foi utilizado aparelho de GPS para aferição da área da reserva legal alterada, inclusive, declarada no Cadastro Ambiental Rural (CAR). A área fora desmatada no ano de 2016 e foi verificado que a madeira proveniente da vegetação retirada não se encontrava mais no local. As atividades foram interditadas.

O fazendeiro de 68 anos, residente em Porto Alegre (RS), foi autuado administrativamente e multado em R$ 20 mil. Ele também responderá por crime ambiental com pena de um a três anos de detenção, pena agravada devido a infração ter ocorrido em área protegida por lei. O infrator também foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual. (Com informações da PMA)

PMA autua pecuarista em R$ 20 mil por desmatamento ilegal em área protegida
Mais notícias