Plano de segurança para Carnaval terá mais de 250 agentes em Campo Grande

Prefeitura mobilizou guardas municipais, PMs, Bombeiros e agentes de trânsito

O Carnaval de rua começa neste sábado (22) e Campo Grande terá um efetivo recorde para reforçar a segurança nos dias de folia. De acordo com a Prefeitura, serão mais de 250 pessoas empenhadas na segurança da Capital, entre policiais, guardas, bombeiros, entre outros.

O Corpo de Bombeiros disponibilizou 22 Bombeiros e sete viaturas; a Guarda Civil Municipal irá distribuir 105 agentes por Campo Grande; a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) disponibilizou 12 homens e a Polícia Militar um efetivo de 120 PMs, entre batalhões de área, PMA (Policia Militar Ambiental), Cavalaria, Choque e BOPE (Batalhão de Operações Policiais Especiais).

Campo Grande ainda contará com um reforço do Conselho Tutelar, que vai disponibilizar 25 conselheiros, além das equipes do SEAS (Serviço Especializado em Abordagem Social) nas ruas da cidade e a Cruz Vermelha, que se responsabilizou em levar 30 voluntários.

De acordo com o Secretário Especial de Segurança e Defesa Social, Valério Azambuja, toda a estratégia foi criada pensando na preservação do patrimônio histórico e, principalmente, para que aquelas as pessoas possam usufruir dos dias de Carnaval.

“A Guarda Civil Metropolitana irá disponibilizar mais de 100 homens, distribuídos na Praça do Papa, Orla Ferroviária, Avenida Fernando Corrêa da Costa, ao longo da rua 14 de julho, para garantir a segurança dos campo-grandenses. Frisamos ainda que o plano de segurança, elaborado em conjunto com todas as forças que atuam na preservação do patrimônio e da vida, foi pensado para que todos esses dias de festejos possam ocorrer da melhor forma”, pontuou.

O comandante do Policiamento Metropolitano da Polícia Militar, Coronel Monari, ressalta que o trabalho agregado e integrado com todas as forças de segurança resultará em excelentes resultados para a população.

“A Polícia Militar, de forma integrada com todos os órgãos de segurança pública, bem como com a Prefeitura Municipal de Campo Grande, vai intensificar suas ações com aumento de efetivo, de viaturas nas ruas, buscando dar segurança para a população campo-grandense e de forma que nós tenhamos o carnaval mais seguro dos últimos anos”, destaca Monari.

Prevenção à exploração sexual

A SAS (Secretaria de Assistência Social) desenvolve todos os anos durante o período de pré-carnaval e nas festas de rua, ações de prevenção a exploração sexual de crianças e adolescentes e trabalho infantil.

Para 2020, a Secretaria de Assistência Social está desde o início da semana do Carnaval trabalhando nos territórios dos CREAS e CRAS com ações de conscientização e, especificamente nos dias de Carnaval, estarão juntos com os Conselhos Tutelares abordando e sensibilizando a população campo-grandense quanto ao cuidado às nossas crianças e adolescentes.

“Para tanto, pedimos aos pais e a toda sociedade, atenção com seus filhos. Não deixem saírem para a folia sozinhos e os oriente quanto ao não consumo de bebidas alcoólicas e a possíveis abusos sexuais”, pontua o Secretário Municipal de Assistência Social, José Mário Antunes da Silva.

(com informações da PMCG)

Plano de segurança para Carnaval terá mais de 250 agentes em Campo Grande
Mais notícias