Trabalhadores esperam mais de 1 hora e correm atrás de ônibus na reabertura do comércio

Passageiros precisaram andar até outro bairro para pegar linhas que estão funcionando

No primeiro dia da volta total dos coletivos, em Campo Grande, nesta segunda-feira (6) a grande reclamação de quem está a espera nos terminais pelo coletivo é da demora. Muitos passageiros relataram uma espera de mais de 1 hora. Os ônibus voltam com algumas restrições e os usuários só poderão ir sentados no coletivo.

No Terminal Bandeirantes, o Jornal Midiamax conversou com a auxiliar doméstica de 25 anos, Jéssica Martins, que contou ter de andar mais de 20 quadras de seu bairro na Vila Fernanda até o bairro Celina Jalad, já que o ônibus não está passando na sua região.

Elvis Colato, de 27 anos, auxiliar de serviços gerais contou que não sabia que teria de pagar duas passagens, e que não estava preparado para isso “Hoje seria meu primeiro dia na obra. Tinha de estar lá as 6 horas e vou chegar atrasado”, comentou.

A mesma reclamação foi feita por usuários do transporte coletivo, no Terminal do Aero Rancho.  Marcos Antônio de 54 anos gerente financeiro contou que faltou explicar como funcionaria e com medo de chegar atrasado saiu de casa mais cedo, “Está muito demorado. Minha linha era para chegar as 6 horas e já está 15 minutos atrasada”.

Ele ainda falou, ‘Se quer todo mundo sentado, tem de colocar no mínimo dois ônibus por horário. Como vai caber todo mundo?”, reclamou. O operador de máquinas, de 30 anos, José Renato também disse que chegaria atrasado e até avisou o patrão, “estou desde as 5h20 aqui no terminal e já são 6h13 e até agora nada”, falou.

Fábio Souza de 38 anhos, padeiro, disse ao Jornal Midiamax que ficou mais de 1 hora e 30 minutos esperando por um coletivo, no bairro Guanandi. “Estava desde as 5h10 da manhã no ponto esperando pelo ônibus, e não sabia que não estava fazendo integração, e tive de pagar por três passagens”, relatou indignado o padeiro.

O diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Janine de Lima, afirmou que no começo da manhã estão previstos picos no uso do serviço de transporte. “A gente vai ter alguns picos, do pessoal que começam às 06h ou 07h. A gente está conversando para ver se não tem como o comércio, por exemplo, começar às 09h”. Janine comenta que nos terminais será possível embarcar apenas pela porta dianteira dos ônibus. “Todas as linhas e horários especiais serão divulgados pelo site do consórcio”, lembrou.

A tabela de horários e itinerários das linhas também foi atualizada e pode ser conferida clicando AQUI. Na praça Ary Coelho, uma equipe de plantão do Consórcio Guaicurus também está disponível para tirar dúvidas dos passageiros, o que também pode ser realizado pelos telefones (67) 3316-6600 ou pelo 0800 647 0060.

Trabalhadores esperam mais de 1 hora e correm atrás de ônibus na reabertura do comércio
Mais notícias