Cotidiano

Novo decreto vai permitir ‘voz e violão’ em bares e restaurantes de Campo Grande

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) afirmou, durante transmissão ao vivo nesta quinta-feira (7), que um novo decreto a ser publicado permitirá, a partir de hoje, que músicos possam se apresentar ao vivo em bares e restaurantes da Capital. Segundo detalhou o prefeito, a medida foi pensada para auxiliar músicos que se apresentam sozinhos. “A classe […]

Guilherme Cavalcante Publicado em 07/05/2020, às 12h38 - Atualizado em 08/05/2020, às 07h23

Foto: Reprodução | Facebook
Foto: Reprodução | Facebook - Foto: Reprodução | Facebook

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) afirmou, durante transmissão ao vivo nesta quinta-feira (7), que um novo decreto a ser publicado permitirá, a partir de hoje, que músicos possam se apresentar ao vivo em bares e restaurantes da Capital.

Segundo detalhou o prefeito, a medida foi pensada para auxiliar músicos que se apresentam sozinhos.

“A classe artística tem sofrido muito nesse período de pandemia. Então, além da Sectur (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo) que está atuando no auxílio à classe, teremos mais essa ação, que a nosso ver não se trata de um incentivo ao aumento do contágio, porque vai ser autorizado apenas voz e violão. Apenas uma pessoa. Para alegrar o ambiente no restaurante, bar ou lanchonete, até meia noite”, declarou.

O anúncio da flexibilização de apresentação de artistas que trabalham somente com voz e violão foi dada como exemplo de relaxamentos que podem ser adotados na cidade durante a pandemia, após ser questionado pelo Jornal Midiamax sobre endurecimento e flexibilizações.

“[endurecimento e flexibilizações] vão depender dos números de monitoramento que a gente está realizando. Uma coisa posso garantir, estamos agindo 24h com responsabilidade. Mas, a maneira como você se comporta é muito mais importante do que recomendações ou obrigações”, pontuou. “Não há nenhuma maneira de endurecer ou flexibilizar se você não nos ajudar. Mas há maneiras de nós regrarmos situações que nos ajudam a diminuir a pandemia e aquecer a economia”, afirmou o prefeito.

Jornal Midiamax