Novembro terá chuvas acima da média e temperaturas amenas em MS, aponta previsão

Chuvas começam a partir da segunda semana de novembro

O mês de novembro começou com sol e temperaturas mais altas em . No entanto, o clima promete mudar a partir da próxima semana, trazendo chuva, com acumulados acima da média, de acordo com o (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima). Esses acumulados devem atingir 100 milímetros a mais do que o esperado em algumas regiões do Estado.

A estimativa se baseia no modelo CFSv2, um dos principais modelos climáticos utilizados pela comunidade meteorológica. Segundo o , a longo prazo a ferramenta tende a oscilar, mas para o padrão climático médio no período de um mês possui boa assertividade. “As chuvas ocorrerão com regularidade a partir da segunda semana de novembro”, aponta o Centro.

O esperado durante o mês de novembro varia entre 150 a 200 milímetros com os maiores acumulados se concentrando nas regiões norte e nordeste, associado aos corredores de umidade e zonas de convergência que se iniciam nesta época do ano, segundo dados climatologia do (Instituto Nacional de ).

O modelo estima acumulado acima da média em todas as regiões do Estado em média de 50 milímetros. As chuvas poderão ter maiores acumulados sobre as regiões sudoeste e sul em até 100 milímetros a mais do que o esperado. Como são esperados acumulados acima do normal, é necessária atenção a possíveis alagamentos localizados, enxurradas temporárias, chuvas fortes, acompanhadas de trovoadas e vendavais, sendo um aviso preventivo para todo o mês.

Já as temperaturas no mês de novembro em MS variam entre 20°C a 35°C, conforme dados de climatologia do , sendo a região pantaneira a mais quente. Para o mês espera-se que as temperaturas fiquem até -1.5 °C abaixo da média. Associado as áreas de instabilidades as chuvas devem auxiliar na regulagem das temperaturas. Portanto novembro deve ser um mês com temperaturas agradáveis no Estado, especialmente a partir do retorno das chuvas.

Novembro terá chuvas acima da média e temperaturas amenas em MS, aponta previsão
Mais notícias