No Dia da Visibilidade Trans/Travesti, evento discutiu formas de valorização cultural

A ação foi organizada pela Coordenadoria de Políticas Públicas LGBT+

Foi realizada na noite da última quarta-feira (29), uma ação referente ao Dia da Visibilidade Trans/Travesti para a comunidade de Campo Grande. O evento foi organizado pela Coordenadoria de Políticas Públicas LGBT+, através da SDHU (Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos), discutiu formas de conquistar valorização cultural.

Para chegar ao objetivo, de buscar valorização para esta classe social, foram realizados debates de gênero e reconhecimento pela luta e visibilidade. Segundo o subsecretário de Defesa dos Direitos Humanos, Junior Coringa, o dia 29 deve ser lembrado como um momento de reflexão. “Nossa luta precisa ser diária contra todo o tipo de discriminação e violência contra as pessoas trans”, ressalta.

O assessor de Políticas Públicas LGBT do Governo do Estado, Luan Henrique, explica que o Dia da Visibilidade Trans/ Travesti é um evento de extrema importância para a população. Segundo ele é uma forma de demonstrar que a identidade de gênero não interfere na sociedade e que todos devem ser amados e respeitados da melhor maneira que cada um acredite ser a melhor.
No Dia da Visibilidade Trans/Travesti, evento discutiu formas de valorização cultural
Mais notícias