Mulher morre em hospital com suspeita de dengue hemorrágica

Secretaria investiga caso e laudo deve ficar pronto em até 15 dias

Célia Alves, de 52 anos, morreu com suspeita de dengue hemorrágica neste sábado (25) no Hospital Regional de Nova Andradina, cidade a 296 quilômetros de Campo Grande. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a morte deve ser investigada pela Vigilância Epidemiológica. Célia trabalhava há quatro anos em um supermercado da cidade.

O secretário de saúde da cidade, Arion Aislan, disse ao site Jornal da Nova que o resultado da causa da morte deve sair entre 7 a 15 dias por meio da sorologia. O material foi coletado e será encaminhado para Campo Grande. “Vamos aguardar as investigações que estão a cargo do setor de Epidemiologia”.

O secretário ressaltou que a comunidade tem que ficar em alerta e manter os quintais limpos. Neste sábado, a secretaria realizou um mutirão na região do bairro Horto Florestal, onde mais de três caminhões de entulhos.

Mais notícias