Moradores flagram crianças ateando fogo em área abandonada no Celina Jallad

Terreno teria se tornado depósito de lixo, conforme denúncias à redação

Crianças foram flagradas no fim da tarde desta quinta-feira (28) ateando fogo em uma grande área abandonada no Residencial Celina Jallad, região do Portal Caiobá II –no sul de Campo Grande. Moradores divulgaram vídeos e imagens em redes sociais e contataram a redação do Jornal Midiamax para relatar o incidente que, segundo eles, é comum.

“É no ‘campão’ quem tem aqui, foram que atearam fogo, mas direto acontece”, disse um morador à reportagem. Imagens do local, localizado à Rua Marilda Avelina Rezende Peres, ainda sugerem a presença de adultos em meio às chamas. O fogo durou até o início da noite e, a princípio, não ameaçaria casas.

A área, conforme outra moradora, transformou-se em depósito de lixo para algumas pessoas, sendo ainda tomada pelo mato alto. Confira abaixo os flagrantes:

A Prefeitura de Campo Grande adverte que queimadas urbanas configuram infração administrativa e crime ambiental, acarretando em multas que variam de R$ 2.414,50 a R$ 9.658. Os proprietários, por sua vez, são obrigados a realizarem limpeza, capina e drenagem das áreas. Além do problema com o meio ambiente, as queimadas causam problemas respiratórios, que se agravam em períodos de estiagem como o atual –em que a umidade relativa do ar na Capital tem chegado a índices próximos a 30%.

Denúncias sobre terrenos baldios podem ser feitas ao disque-denúncia da prefeitura, pelo 156; enquanto a Guarda Municipal pode ser informada sobre flagrantes de queimadas urbanas por meio do 153.

Fala Povo – Leitores podem contatar o Jornal Midiamax pelo WhatsApp (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para falarem com os jornalistas e comunicarem flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões, com total sigilo garantido pela lei.

Moradores flagram crianças ateando fogo em área abandonada no Celina Jallad
Mais notícias