Mesmo com pandemia, centro lota e comerciantes apostam em Dia dos Namorados para sair da crise

Campo-grandenses aproveitam este sábado (6) e antecipam compras para a data; lojas também optam por delivery.

Mesmo com a e pedido de isolamento social, o centro de Campo Grande estava cheio na manhã deste sábado (6). A maior parte do público estava a procura de presentes para o . Comerciantes apostaram na data, chegando a repor estoque e investir na modalidade delivery.

Conforme a proprietária de uma loja de cosméticos, Kerlla Marangon, este é o primeiro da empresa. Ela conta que a procura começou logo depois do Dia das Mães, e também ressalta que, o público que quer presentear não está gastando muito, então, ela decidiu reduzir o valor de muitos produtos e criar combos promocionais a partir de R$ 29,90; até kit com álcool antisséptico está sendo procurado.

Mesmo com pandemia, centro lota e comerciantes apostam em Dia dos Namorados para sair da crise
Kerlla criou combos promocionais para a data. (Foto: Leonardo França)

“A maior parte da procura vem das mulheres, e já está desde o começo do mês. Acredito que os homens vão deixar para a última hora. A serviu para fazer o empresário pensar mais no mercado, por exemplo, nós optamos pela opção delivery, uma novidade, pois a marca está com loja física agora, um avanço para aqueles que eram acostumados a folhear o catálogo.

A vendedora de jóias, semi-joias e lingeries, Hellen Lisboa, conta que este ano o movimento superou as expectativas e arrisca dizer que a procura foi melhor, comparada ao mesmo período do ano passado. “Nós ficamos surpresos, o movimento começou cedo. Tivemos que repor o estoque, colocar bastante novidade na nossa vitrine”, disse.

Mesmo com pandemia, centro lota e comerciantes apostam em Dia dos Namorados para sair da crise
Julielle conta que movimento caiu comparado ao ano passado. (Foto: Leonardo França)

Já segundo a divulgadora de salão de beleza, Julielle Espíndola, a procura pelos serviços está baixa e o setor espera melhorar a demanda na data mais próxima ao feriado. “O ano passado estava melhor, a procura até em outras datas. As mulheres são as que nos visitam mais, então esperamos que elas venham mais perto do dia para fazer cabelo, unha, maquiagem e etc”.

Outro setor tipicamente procurado nesta ocasião é o das roupas íntimas. A proprietária de uma loja de lingeries, Maria Josefina, conta que a loja recebeu peças novas e está apostando na data para faturar. “O movimento caiu consideravelmente, muito mesmo. Estamos esperançosos pois precisamos, necessitamos de sucesso nas vendas, principalmente nesta data”.

Mesmo com pandemia, centro lota e comerciantes apostam em Dia dos Namorados para sair da crise
Empresaria Maria Josefina aposta na data. (Foto: Leonardo França)

A Prefeitura Municipal publicou um decreto, pelo Diário Oficial, autorizando o comércio varejista do centro da Capital abrir durante o feriado, das 7h30 às 19h. Exclusivamente entre os dias 5 a 14 de julho.

Mesmo com pandemia, centro lota e comerciantes apostam em Dia dos Namorados para sair da crise
Mais notícias