Mesmo após primeira morte por coronavírus, 9 cidades liberam volta parcial do comércio em MS

Os municípios flexibilizaram os decretos com medidas de contenção do coronavíus

Mais nove cidades de Mato Grosso do Sul flexibilizaram os decretos de medidas de contenção do Covid-19, o novo coronavírus, nesta terça-feira (31). Aos poucos os municípios têm liberado o retorno de alguns setores comerciais, estabelecendo regras para cada um deles.

Amambai liberou a abertura do comércio, de segunda a sexta-feira das 05h às 18h e sabádos das 05h às 11h. Os comerciantes deverão fornecer aos funcionários e clientes formas de higienização correta, para evitar a proliferação do coronavírus. Na cidade ficam proibídos, até o dia 06 de abril, cerimônias religiosas, shows, festas, parques públicos e espaços esportivos, para evitar aglomerações.

No município de Antônio João o comércio foi reaberto, com a regra de um cliente dentro do estabelecimento, que é válida até o dia 13 de abril. Restaurantes e lanchonetes da cidade podem atender até quatro clientes ao mesmo tempo, levando em conta as medidas de higienização e segurança.

Em Camapuã as cerimônias religiosas foram liberadas, com permissão de uma pessoa a cada 10 m², os restaurantes da cidade poderão atender com distância mínima de dois metros entre as mesas. No município de Coronel Sapucai, o comércio poderá funcionar das 07h às 18h, de segunda à sábado, com no máximo cinco pessoas dentro do estabelecimento e marcações nas filas, para garantir distância de 1,5 metro.

A cidade de Guia Lopes da Laguna permanece com toque de recolher, das 21h às 05h, por tempo indeterminado, entretando as cerimônias religiosas podem ser retomadas. Os cultos e missas devem atender ao distanciamento de no mínimo dois metros, entre uma pessoa e outra. As academias da cidade também poderão ser abertas, desde que atendam apenas duas pessoas por horário.

No município de Selvíria, setores como construção civil, indústrias, oficinas de autos, motos e pesados, podem voltar a funcionar, com distância mínima de 1,5 metro entre uma pessoa e outra. As agências bancárias da cidade deverão manter distância de dois metros entre os clientes e os restaurantes não podem promover o consumo no local, sendo permitida apenas retirada no balcão e entregas.

Em São Gabriel do Oeste, o comércio poderá ser reaberto com redução do horário de atendimento presencial, que deverá ser das 11h às 17h. Três Lagoas manteve o toque de recolher, das 22h às 05h, e os únicos estabelecimentos autorizados a voltar com o atendimento presencial são lotéricas, escritórios de contabilidade, supermercados, mercados e conveniências.

Sidrolândia autoriza a volta do comércio, respeitando o máximo de uma pessoa dentro do estabelecimento. A prefeitura do município também liberou a volta das feiras livres, que devem obedecer ao regramento de distanciamento mínimo e fica vedado o consumo no local.

Todas as autorizações e novas determinações foram publicadas no Diário Oficial dos Municípios. Para acessar, clique aqui.

Mesmo após primeira morte por coronavírus, 9 cidades liberam volta parcial do comércio em MS
Mais notícias