Lixo amontoado em canteiro central incomoda moradores do Parque do Sóter

Prefeitura diz que local de descarte é para Operação "Dengue Zero"

As pessoas que moram próxima a região do Parque Ecológico do Sóter, em Campo Grande se incomodaram com o fato de um amontoado de lixo estar figurando como cena principal na rua Chimango, em frente ao parque. Os resíduos que foram jogados permanecem há uma semana.

Nas imagens encaminhadas até a reportagem, é possível identificar que uma estante, armários, sofá e outros objetos foram deixados na via. A moradora Bruna Lucena Maciel Lessonier afirmou que a princípio havia uma faixa que informava que o local estaria recebendo os resíduos e seria recolhido, mas que ela desapareceu há dois dias.

Bruna conta que ninguém chegou a fazer uma reclamação para os órgãos responsáveis pela limpeza da cidade, justamente pela faixa que existia no local, mas que quanto mais o tempo passa, mais o lixo aumenta.

“É estranho isso porque está sendo feito um trabalho de revitalização do Sóter, estão trocando as cercas e podando as árvores e gramas, trocaram as lâmpadas por LED, já teve um aumento de famílias e pessoas frequentando o Parque inclusive para fazer atividades físicas e agora esse cenário bem na frente do parque em uma área residencial”, disse a moradora.

A reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Campo Grande e em resposta, a assessoria explicou que o local faz parte da “Operação Dengue Zero”, que esta´sendo desenvolvida na região urbana do Prosa e que todo o material será recolhido nesta sexta-feira (6) por equipes da Sisep (Secretaria Municipal De Infraestrutura E Serviços Públicos).

“A ação está dentro da programação da operação Mosquito Zero, a qual o bairro Carandá Bosque está inserido. O local citado é um dos cinco pontos de coleta disponibilizados à população para descarte de resíduos de grande volume. Estes materiais são retirados diariamente e ao fim da ação, que deve se entender até o dia 6, toda a área será limpa, a exemplo dos demais locais”, informou a Prefeitura.

Fala Povo – o WhatsApp do Jornal Midiamax

As imagens foram enviadas ao Fala Povo, o WhatsApp do Jornal Midiamax, no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Lixo amontoado em canteiro central incomoda moradores do Parque do Sóter
Mais notícias