Indígenas Terenas da região de Aquidauana recebem álcool, alimentos e produtos

Neste momento de pandemia pelo novo coronavírus que atingiu as aldeias da região, a forneceu álcool a 77% aos serviços de saúde indígena de Aquidauana e Miranda, e álcool glicerinado a 80% e álcool a 77% aos indígenas das aldeias do Distrito de Taunay, Aldeias Bananal, Colônia Nova, Ipegue, Lagoinha e Morrinho. A possui no Campus de Aquidauana cerca de 400 alunos indígenas.

A logística para entrega foi feita com o transporte da própria disponível em Aquidauana, e foi coordenada pelo diretor do campus de Aquidauana, Auri Claudionei Matos Frübel, que também tem atuado na busca de doação de alimentos. No momento da entrega do álcool, por exemplo, foi possível aproveitar o espaço não utilizado no veículo de transporte para levar doação de 2.600 kg de alimentos feita pela Amamsul (Associação de Magistrados de MS), entre outros produtos doados.

O atendimento foi possível em razão da previsão de atendimento dos alunos constante no Plano de contingência da para enfrentamento da Covid-19 e a atuação do Ministério Público Federal em prol dos indígenas.

“O Campus de Aquidauana está imensamente agradecido à Reitoria da e à Facfan (Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Alimentos e ), por disponibilizarem esta significativa quantia de álcool para atender, principalmente, aos nossos acadêmicos indígenas que, neste momento, passam por extremas dificuldades, em razão da pandemia da Covid-19”, ressaltou o diretor. Auri Frübel agradeceu também o apoio da Amamsul, da Unimed e da Adufms/Aquidauana. “Num ato humanitário se somaram à e fizeram valorosas doações às nossas comunidades indígenas”.

Para o reitor Marcelo Turine, a atuação da mostra o comprometimento da com a sociedade neste difícil momento de emergência em saúde pública pelo novo coronavírus. ” Desde o início da pandemia, a vem desenvolvendo ações para auxiliar a sociedade sul-mato-grossense no combate à pandemia”, enfatizou. Desde março, mais de 80 projetos estão sendo realizados por meio do edital de enfrentamento da Covid-19 e mais de 370 pessoas se inscreveram como voluntárias para as ações em todos os câmpus e unidades. A também tem participado de iniciativas em parceria com o governo federal, governo de estado, prefeituras, entidades e empresas. (Informações da assessoria)

Indígenas Terenas da região de Aquidauana recebem álcool, alimentos e produtos
Mais notícias