‘Governador não cumpriu nenhum cronograma’: aprovados em concurso da PM e BM protestam

O objetivo da ação é que o curso de formação tenha data marcada

Cerca de 70 aprovados em concursos da PM (Polícia Militar) e BM (Bombeiros Militares) se reuniram na manhã deste sábado (18), na rua 14 de Julho com a Afonso Pena, para protestar sobre a data oficial do curso de formação, última fase para a convocação.

Na ação, usaram vestes brancas e jeans, carregaram faixas com mensagens para o Governo do Estado e entregaram panfletos para todas as pessoas que passavam pelo local.

Marco Vinícius, de 26 anos, estava à frente do grupo e disse que o objetivo de todos é que sejam convocados. Na segunda-feira, há planos de outra ação. “Vamos até a Governadoria. Queremos que o curso comece”, diz Mario Sergio Couto, presidente da ACS/PMBM (Associação de Cabos e Soldados da PM e BM de Mato Grosso do Sul). Todos vão aguardar até o dia 30 deste mês para que tenham uma resposta das autoridades.

A SAD (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização) homologou o resultado final dos concursos em 19 de dezembro do ano passado. Os cursos de formação estavam previstos para começar neste janeiro, segundo a Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública).

Marco destaca que o governo não cumpriu com nenhum cronograma desde o início. “O governador não cumpriu com nenhum que foi dado desde as primeiras vezes. Quando tentávamos resposta, nunca davam. Tem muito ‘desconcursado’ desempregado. Então queremos que o governador honre e cumpra o que prometeu em campanha”, finaliza.

Mais notícias