Exame descarta coronavírus como causa da morte de jovem de 29 anos em Campo Grande

Segundo a SES, caso não foi considerado suspeito e nem integrou as estatísticas de notificação

Deu negativo o exame para Covid-19, causado pelo novo coronavírus, realizado em um jovem de 29 anos que faleceu na noite da quarta-feira (1º) no CRS (Centro Regional de Saúde) Aero Rancho, em Campo Grande.

A reportagem havia afirmado que o caso integraria a lista de casos suspeitos de covid-19, já que a coleta de material foi realizada. Porém, a SES (Secretaria Estadual de Saúde) negou, na manhã desta sexta-feira (3), que o caso tenha sido considerado suspeito e integrado as estatísticas. Nesta manhã, o titular da pasta, Geraldo Resende, também afirmou que desconhece a notificação.

Na quinta-feira (2), a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) informou que o paciente chegou ao CRS alegando falta de ar e dor torácica, evoluindo, em seguida, para uma parada cardiorrespiratória. O jovem passou por manobras de reanimação por quarenta minutos, mas sem sucesso.

“Levando em consideração o quadro agudo do paciente, foi realizada a coleta de material para investigação de Covid-19 e outras SRAS (Síndromes Respiratórias Agudas Grave)”.

Vale lembrar que, apesar da falta de ar e febre, que são sintomas da covid-19, o paciente não apresentava tosse. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol como morte a esclarecer.

Exame descarta coronavírus como causa da morte de jovem de 29 anos em Campo Grande
Mais notícias