Com dificuldade para acessar internet, acadêmicos terão auxílio emergencial de até R$ 60

UFMS abrirá processo seletivo para até 3 mil alunos que não estou estudando por dificuldade em acessar internet.

A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou hoje (29) que abrirá processo seletivo para ajudar universitários que tem dificuldade em acessar a interne e manter os estudos por conta da suspensão das aulas presenciais, consequência do novo coronavírus (Covid-19). Serão cerca de 3 mil alunos beneficiados com auxílio emergencial de inclusão digital. 

Em nota, a universidade informou que o processo seletivo inédito estará aberto a partir do dia 18 de maio. Após a solicitação, o cadastro será analisado, e se aprovado, o pagamento será disponibilizado no mesmo mês. Os valores do auxílio variam de R$ 30 a R$ 60 por mês. Além disso, o valor varia de acordo com o número de disciplinas em que o estudante está cursando. O auxílio terá validade conforme pendurar a pandemia do vírus e aulas onlines 

“Nosso objetivo é auxiliar os estudantes que estão com desafios para acompanhar as atividades acadêmicas sendo desenvolvidas, neste momento, como estudos dirigidos com o uso de (TICs) Tecnologias de Informação e Comunicação. A UFMS está na vanguarda das universidades, liberando recursos financeiros para custear a aquisição de pacotes de dados de Internet”, disse a pró-reitora, Ana Rita Barbieri Filgueiras. 

Conforme o chefe da Divisão de Assistência ao Estudante, Rodrigo Domingues da Costa, para participar, o estudante deve ter renda per capita de até um salário mínimo e meio e apresentar dificuldades no acesso à internet. “A fim de agilizar o processo seletivo quem já é beneficiário dos programas de auxílio estudantil, bolsista permanência MEC (Ministério da Educação) ou tem cadastro único atualizado do Governo Federal não precisa anexar os comprovantes de renda”, explicou. 

 

Com dificuldade para acessar internet, acadêmicos terão auxílio emergencial de até R$ 60
Mais notícias