Em cidade de MS voluntários criam ‘Calçada da Graça’ para ajudar necessitados da pandemia

No espaço solidário, que funciona às segundas-feiras, quem tem doa e quem não tem recebe

As tardes de segundas-feiras estão mais solidárias em Dourados, cidade que enfrenta o surto do coronavírus.  Nesse dia um grupo voluntário de mulheres coloca em prática o amor ao próximo por meio de uma ideia simples, denominada “Calçada da Graça”. Trata-se de um espaço onde que tem doa e quem não tem recebe.

Segundo a assistente social Milena Mariano, uma das idealizadoras do projeto que começou a funcionar em junho, no começo as pessoas passavam e ficavam olhando as mesas sobre a calcada, sem entender muito o que estava acontecendo. Havia uma certa desconfiança do gesto de generosidade.

“Tinha gente que passava por aqui e parava do outro lado da rua apenas para ficar olhando. Alguns deles voltavam e traziam um pacote de arroz, de ou uma lata de óleo”, conta Milena, revelando que nos primeiros dias da “Calçada da Graça”, as doações eram bem maiores que a procura.

“Na verdade, algumas pessoas sentem vergonha em pedir. Mas aos poucos elas foram se aproximando. Quem tem procurado ajuda é gente que perdeu o trabalho nos últimos meses, que estão temporariamente desempregados”, explica Rosângela Maria de Andrade, que ao lado de Neli Wolff e também de Milena, participam da Presbiteriana Ebenezer.

Elas contam que a “Calçada da Graça” é também uma forma de praticar o que se aprende durante os cultos e que o projeto tem o apoio do Simei Mariano, responsável pela . “Esse é um gesto de solidariedade num momento em que a pandemia está deixando sequelas que vão além da doença”, afirma o .

Desde que o espaço foi criado, na segunda quinzena do mês de junho, mais de 20 cestas já foram entregues. “Além disso, algumas pessoas aqui apenas pedir um litro de óleo ou apenas um pacote de biscoito”, conta Milena.

Em cidade de MS voluntários criam ‘Calçada da Graça’ para ajudar necessitados da pandemia
Voluntários recebem doações para famílias carentes. (Foto: Marcos Morandi).

Bençãos de Deus

Enquanto as voluntárias conversavam com a reportagem, um casal de venezuelanos, se aproxima para pedir doações. “Tá faltando muita coisa lá em casa, mas o que a gente precisa mesmo é de leite, arroz e ”, conta a jovem que tem um filho de dois anos. Para eles, a ajuda é “uma benção de Deus”.

A Venezuelana está em Dourados há 1 e 4 meses e veio para trabalhar em um da cidade. “Meu contrato venceu há 3 meses e não foi renovado. Não sei mais o que fazer diante desse momento que afeta muita gente que veio comigo e que também está desempregada”, conta a jovem mãe de 19 anos.

Em cidade de MS voluntários criam ‘Calçada da Graça’ para ajudar necessitados da pandemia
Jovem venezuelana está desempregada há três meses. (Foto: Marcos Morandi).

A “Calçada da Graça”  funciona todas as segundas-feiras, das 14 às 17, na Rua José de Alencar, na Vila Maxwell, em Dourados. O local fica nas proximidades do terminal rodoviário e também do Shopping Center da cidade. Além de alimentos, as pessoas podem contribuir com roupas usadas e agasalhos.

 

 

Em cidade de MS voluntários criam ‘Calçada da Graça’ para ajudar necessitados da pandemia
Mais notícias