Com suspeita de macrocefalia ou tumor, Joãozinho precisa de ajuda para exames

O pequeno precisa de uma tomografia e para isso mãe está vendendo cachorro-quente.

Com suspeita de Tumor no cérebro ou macrocefalia, o pequeno João Noah, de 1 ano e cinco meses, precisa de ajuda para realizar uma tomografia com contraste e sedação, de R$ 1.900,00.

Pensando em uma forma de arrecadar dinheiro para exame neurológico, que não é oferecido pelo (Sistema Único de Saúde), de seu filho, Carla dos Santos (25) está vendendo cachorro quente durante toda esta semana para tentar conseguir o valor.

A mãe conta que quando Joãozinho nasceu ele não tinha nenhum tipo de problema e o tamanho da cabeça do era normal. No entanto, quando ele completou quatro meses, começou a perceber que talvez não estivesse muito proporcional.

Ao notar algo diferente em seu filho, o levou ao médico e este disse que não tinha nada anormal e não deu muita importância a preocupação da mãe. Depois da insistência, quando o pequeno fez quatro meses, pediu um ultrassom, que Carla mesmo pagou. Infelizmente, não teve sucesso em um diagnóstico e os laudos foram inconclusivos.

Com suspeita de macrocefalia ou tumor, Joãozinho precisa de ajuda para exames
Joãozinho com 1 ano.

Mas a mãe do menino não desistiu, pois sabia que não estava norma, quando o menino completou um ano, o médico que o atendia encaminhou João para um especialista.

Na consulta com neurologista, ele deixou claro que tinha mesmo algo de errado, mas ele ainda não conseguiu concluir o diagnóstico. Mas a suspeita é que seja macrocefalia ou um tumor, pelo fato de ter nascido com a cabeça normal e ir vir crescendo com o tempo.

Para chegar em um diagnóstico completo, o médico precisa de uma tomografia com contraste e sedação, mas o não oferece o exame com sedação.

Por isso, Carla e suas duas irmãs tiveram ideia de fazer o cachorro-quente beneficente durante uma semana, para que possa ter uma renda extra e consiga arcar com as despesas do exame.

A unidade do cachorro-quente será vendida a R$ 5,00 e também tem a opção dos combos com refrigerante: com um copo de refrigerante sai R$ 7,00 e a lata mini fica R$ 8,00.

As vendas já estão acontecendo na rua Nova Bandeirantes, 193 e vão até a próxima sexta-feira (28), a partir das 19 horas. Caso alguém queira fazer alguma doação ou ajudar comprando os cachorros-quentes, pode entrar em contato com o pai, Jones (67) 98185-6326, ou a tia, Jeane (67) 99175-0757 e da avó Jane (67) 99102-7878.

Com suspeita de macrocefalia ou tumor, Joãozinho precisa de ajuda para exames
Mais notícias