Com flexibilizações, comitê da Saúde de MS alerta para permanecer com regras de biossegurança

Comitê emitiu comunicado para população evitar segunda onda de contágio da pandemia de coronavírus

O Comitê Estadual do Fórum do Judiciário para Saúde emitiu, nesta terça-feira (21), um alerta para os moradores de Mato Grosso do Sul continuarem aderindo as medidas de biossegurança para evitar uma nova onda de contaminação de coronavírus.

A carta de aviso ressalta que com o período de votação nas urnas se aproximando, o ideal é continuar usando máscaras em locais públicos, distanciamento seguro de, no mínimo, 1,5 metros entre as pessoas, usar álcool em gel e higienizar as mãos.

“Embora o Estado venha registrando queda na média móvel de óbitos por , a população ainda precisa ficar atenta às medidas de biossegurança. O Comitê vem alertar à população de Campo Grande e demais municípios que a manutenção das medidas de segurança é vital para diminuir o risco de um aumento expressivo dos casos de infecção a exemplo dos países que estão registrando a segunda onda de contágio”, alertou em nota.

MS já soma mais de 77 mil casos confirmados da doença e 1,5 mortes em decorrência da . Apenas hoje, foram registrados 456 novas notificações positivas e 15 óbitos. A taxa de letalidade subiu para 1,9%, conforme a atualização do boletim epidemiológico da SES ().

Com flexibilizações, comitê da Saúde de MS alerta para permanecer com regras de biossegurança
Mais notícias