Com dois casos positivos de coronavírus, cidade de MS decreta situação de emergência

Funcionamento de templos religiosos e igrejas está suspenso

A Prefeitura de Rio Brilhante, distante 158 quilômetros de Campo Grande, decretou nesta quinta-feira (21), situação de emergência e calamidade pública no município em razão da pandemia de coronavírus (Covid-19). A cidade tem 2 casos positivos da doença e 3 suspeitos.

De acordo com o documento assinado pelo prefeito Donato Lopes, fica determinado o isolamento social de todos os moradores do município, podendo circular apenas pessoas em deslocamento para trabalho em locais autorizados a funcionar.

O atendimento ao público no comércio está autorizado apenas das 7h às 18h. Farmácias, restaurantes, lanchonetes e similares podem funcionar até às 20h obedecendo as normas de biossegurança, como disponibilizar álcool em gel e manter a distância mínima entre os clientes.

Mercados, supermercados, hipermercados, açougues, frutarias, padarias poderão funcionar de segunda à sábado das 6h até às 19h  e aos domingos e feriados até 12h, sendo que deverão atender além das medidas de biossegurança, limitar  o número de clientes a no máximo 1 por metro quadrado.

O documento ainda traz restrições para realização de eventos, transporte coletivo urbano e rural, transporte público e privado, escolar e para o serviço público, além da suspensão do funcionamento de igrejas e templos religiosos.

Para conferir todas as determinações e recomendações basta acessar o decreto n° 28.563, de 21 de maio de 2020

Com dois casos positivos de coronavírus, cidade de MS decreta situação de emergência

Notícias sobre o assunto:

Mais notícias