Com 24 mortos e 2.597 casos de coronavírus, ocupação das UTIs de MS dobra em dois dias

Ritmo de contaminação subiu e Mato Grosso do Sul tem um caso positivo a cada dez minutos, aponta boletim desta quarta (10)

O boletim epidemiológico do coronavírus em nesta quarta-feira (10) foi incrementado com 142 novas confirmações da doença, levando o total de casos a 2.597 no Estado. Nesta data, o boletim também trouxe a confirmação de mais dois óbitos, totalizando 24 mortes por .

O boletim aponta que já são 18.669 casos notificados, dos quais 13.802 foram descartados, 523 estão em análise no Lacen-MS (Laboratório Central de MS) e 1.747 aguardam encerramento nos municípios..

Os 142 novos registros voltam a confirmar a curva exponencial de crescimento da doença em MS, com incremento de 5,8% em relação aos total de ontem (9). Na prática, é como se MS confirmasse cerca de 6 casos de coronavírus a cada hora, um caso a cada dez minutos.

Casos de coronavírus em 69% dos municípios de MS

Dourados continua na liderança de número de pacientes com e também no número de novas confirmações, com 82 positivos apenas no boletim desta quarta-feira, totalizando 758 pacientes.

Em segundo, vem Campo Grande, com 12 positivos (434 pacientes). Em terceiro, Rio Brilhante (11). Na sequência temos: Chapadão do Sul (8), Corumbá (6), São Gabriel do Oeste (5), Fátima do Sul (4), Ponta Porã (3), Caarapó (2), Naviraí (2), Três Lagoas (2), Angélica (1), Bonito (1), Iguatemi (1), Itaporã (1), Ladário (1), Caracol (1), Mundo Novo (1) e Vicentina (1).

Aquidauana e Guia Lopes da Laguna tiveram números retificados, com menos 1 e 2 casos, respectivamente. Estreiam no boletim os municípios de Angélica, Caracol e Iguatemi – neste está registrado o óbito de um paciente de 84 anos que faleceu no último dia 7 e teve confirmação para caso de coronavírus divulgado hoje.

Com isso, a já está em 69% do território estadual, ou seja, 54 dos 79 municípios de MS.

Taxa de ocupação de leitos de dobrou

Dos 2.597 casos confirmados em MS, 1.360 já se recuperaram, 1.148 estão em isolamento domiciliar e 65 seguem internados – além de dois pacientes do estado de São Paulo. 39 estão em leitos clínicos (22 públicos e 16 privados) e 28 em (16 públicos e 12 particulares).

No boletim, a taxa de ocupação considera não só os 65 pacientes com , mas, também, casos suspeitos (39 pacientes). Com isso, o indicador que representa leitos de da rede pública ocupados mais que dobrou em 48h: na segunda-feira (8) a taxa foi apresentada em 5,8%, contra os 14,8% desta quarta-feira.

Os municípios com maior número de casos são:

Com 24 mortos e 2.597 casos de coronavírus, ocupação das UTIs de MS dobra em dois dias
Foto: Reprodução | SES
  • Dourados – 756 (29,11%)
  • Campo Grande – 434 (16,71%)
  • Guia Lopes da Laguna – 243 (9,36%)
  • Fátima do Sul – 171 (6,58%)
  • Três Lagoas – 166 (6,39%)
  • Rio Brilhante – 117 (4,51%)
  • Corumbá – 95 (3,66%)
  • Douradina – 72 (2,77%)
  • Itaporã – 68 (2,62%)
  • Bonito – 50 (1,93%)

Clique AQUI para conferir o boletim na íntegra.

Com 24 mortos e 2.597 casos de coronavírus, ocupação das UTIs de MS dobra em dois dias
Mais notícias