Cidade de MS amplia restrições ao comércio após 4 mortes por coronavírus e recomendações do Prosseguir

Prefeitura de Bataguassu amplia regras de restrição a atividades que geram aglomerações de segunda-feira a 15 de agosto

A –a 313 km de Campo Grande– baixou novas regras de enfrentamento ao coronavírus (), depois de ser colocada na bandeira laranja (Grau Médio) de risco dentro do Programa Prosseguir e de registrar 4 mortes pela doença. A partir de segunda-feira (3), mais atividades comerciais passarão por restrições.

O decreto 186/2020 foi baixado horas depois do anterior já instituir regras de restrição à população, ampliando a gama de atividades comerciais que ficarão suspensas até 15 de agosto. A relação inclui salões de beleza, cabeleireiro, barbearia, clínica de estética, estúdios de tatuagens, piercings e afins; a prática coletiva de atividade ao ar livre e leilões presenciais – sendo permitidos os eletrônicos, limitados a 12 pessoas na organização.

O dispositivo estabelece que o toque de recolher das 22h às 5h permanece válido para todos os dias da semana e por prazo indeterminado, exceto quando necessária para acesso aos serviços essenciais.

As demais normas que estavam em vigor, como suspensão de aulas presenciais na rede municipal, exigência do uso de máscaras nas ruas e da proteção para acesso a comércios e órgãos públicos, que não confrontarem as novas ações, continuam valendo.

O mesmo vale para a proibição de funcionamento do comércio aos sábados e domingos e de consumo local em estabelecimentos de alimentação –o sistema de delivery e a retirada no local seguem permitidos.

“Nosso objetivo com essas medidas de contenção é evitar uma propagação ainda maior do vírus em Bataguassu e impedir a circulação das pessoas. Peço a compreensão de todos, já que o momento é de alerta. Se puderem, fiquem em casa, façam o distanciamento social e mantenham as medidas de higiene pessoal”, disse prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (). O município já registrou 635 casos positivos de coronavírus.

A atualização do Prosseguir foi divulgada na sexta-feira. O Programa de Saúde e Segurança na Economia visa a estruturar um método baseado em dados, informações e indicadores que, por sua vez, norteiam ações dos entes públicos e da sociedade em geral para enfrentamento à .

O sistema de graus e cores indica condições para se restringir ou flexibilizar atividades, considerando fatores que vão desde a disponibilidade de leitos de e de equipamentos de proteção individual, volume de casos de coronavírus confirmados e queda na mortalidade, entre outros.

Cidade de MS amplia restrições ao comércio após 4 mortes por coronavírus e recomendações do Prosseguir
Mais notícias