#CG121: Namoro na quarentena, distância não é desafio e casais engatam romance virtualmente

Mesmo durante o isolamento social, casais se conhecem à distância e aproveitam para se conhecer melhor.

O isolamento social imposto pela pandemia do coronavírus, obrigou as pessoas a mudarem o estilo de vida e se distanciar fisicamente. Porém, durante encontros on-line e paquera virtual, casais acharam o momento ideal para engatar romance.

#CG121: Namoro na quarentena, distância não é desafio e casais engatam romance virtualmente
Rodrigo e Aline se conheceram durante um encontro virtual da igreja. (Foto: Arquivo Pessoal)

No início do pico de casos de no Brasil, Aline Oliveira da Silva, 31, e Rodrigo Garcia Barbosa, 22, participavam de um encontro virtual de jovens da igreja católica e logo em seguida começaram a se conhecer.

“Eu moro em Campo Grande e ela em , no . Nos conhecemos faz uns três meses. Começamos a conversar e nos aproximamos, depois de um tempo, as passagens de avião estavam baratas, e fui visitá-la”, conta Rodrigo.

Aline explica que conhecer uma pessoa virtualmente para romance não estava nos seus planos, porém, na distância, o casal conseguiu se conhecer e descobrir mais um do outro.

” A pandemia nos aproximou mais ainda, até porque estamos vivendo num período que tudo é feito no ambiente virtual, e isso só contribuiu. Eu apresento meus amigos e ele os dele, tudo virtualmente. Nós interagimos, conversávamos, compartilhamos a rotina e até rezamos juntos pela internet. Querer fazer dar certo é essencial.”

Além disso, o casal brinca dizendo que mesmo longe cuidavam um do outro. “Eu pedia e enchia o saco dela para passar álcool em gel toda hora, cuidar no ônibus, não sair sem máscara e tal”, disse Rodrigo. “A gente se preocupa bastante com a saúde do outro, eu comprei até vitamina C para ele”, complementa Aline.

#CG121: Namoro na quarentena, distância não é desafio e casais engatam romance virtualmente
À distância e pelo aeroporto, Rick e Suzy se conheceram trabalhando. (Foto: Arquivo Pessoal)

Outra história inusitada é a de Rickman Sheldon Santos Durães, 24 anos e Suzy Aparecida Lopes, 35 anos, que se conheceram à distância e no trabalho. Ambos trabalhavam em aeroportos e se comunicavam sobre perda, extravio ou danos em bagagens. Ele em Campo Grande e ela em Guarulhos, São Paulo.

“Nós conversávamos para resolver problemas. No início nós ainda nos ‘bicamos’, porque eu cobrei algumas coisas dela e ela ficou um pouco irritada, mas ela muito profissional. Depois, nós mantemos um contado pelas redes sociais, ela comentava algumas coisas e eu também. A distância não atrapalhou, nos fortaleceu, tanto que estamos noivos”, comemora Rickman.

#CG121: Namoro na quarentena, distância não é desafio e casais engatam romance virtualmente
Depois de 11 anos separados, Mirelli e Marcos se reencontraram pela internet. (Foto: Arquivo Pessoal)

Depois de 11 anos, Mirelli Cristina Encina de Barros31, e Marcos Alexandre Soares Fernandes 35 , se reencontraram e justamente em um período improvável para unir casais. Ela faz parte do , e o “flerte” pendurou muito tempo até o encontro pessoalmente.

“Cada um seguia sua vida, mas morávamos na mesma região. Vi ele no Facebook e começamos a conversar de novo. Só que (por medo da doença), demoramos para nos ver, ficamos conversando até decidir fazer um jantar, mas isso nem levei meus filhos, pois tenho lúpus, e fiquei com receio.”

Depois de ter certeza que se cuidavam e se conhecerem mais pela internet, o casal conseguiu engatar o e já estão junto há 4 meses. “Dessa vez deu certo”, finaliza.

#CG121: Namoro na quarentena, distância não é desafio e casais engatam romance virtualmente
Mais notícias