Cotidiano

Casos de coronavírus aumentam enquanto distanciamento social fica abaixo dos 40% em MS

Enquanto Mato Grosso do Sul atingiu neste sábado (9) os 346 casos de coronavírus e 11 mortes, a adesão ao isolamento social segue em queda no Estado. Na sexta-feira, quando o total de pacientes de Covid-19 era de 326, o percentual de distanciamento ficou em 37,2%, conforme apurado pela consultoria In Loco, abaixo da média […]

Humberto Marques Publicado em 09/05/2020, às 17h38 - Atualizado às 17h39

(Foto: Arquivo Midiamax)
(Foto: Arquivo Midiamax) - (Foto: Arquivo Midiamax)

Enquanto Mato Grosso do Sul atingiu neste sábado (9) os 346 casos de coronavírus e 11 mortes, a adesão ao isolamento social segue em queda no Estado. Na sexta-feira, quando o total de pacientes de Covid-19 era de 326, o percentual de distanciamento ficou em 37,2%, conforme apurado pela consultoria In Loco, abaixo da média nacional de 40,8% e dos 70% que as autoridades de Saúde avaliam como mínimo para conter o avanço da doença.

Os dados são monitorados por meio de geolocalização de sinais de telefones celulares na Capital e no interior. Os dados do Estado significam dizer que, a cada 100 sul-mato-grossenses, 37 seguiram as recomendações de autoridades de saúde e ficaram em casa, enquanto os 63 restantes se mantiveram em livre circulação.

Em Campo Grande, conforme informações do Executivo estadual, a taxa de isolamento foi ainda mais baixa: 36,7%. O Indubrasil, com 18,2%, foi a região de menor adesão, atrás do Jardim Noroeste (20,8%), Tiradentes (21,2%), Moreninha IV (22,2%) e Rita Vieira (22,7%), os bairros nos quais a população menos ficou em casa.

Pelo interior, a situação também foi preocupante: 31 cidades ficaram abaixo da média estadual. A diferença entre a cidade de maior adesão (Guia Lopes da Laguna, 53,2%, motivada pela explosão recente de casos) e menor adesão ao isolamento (Novo Horizonte do Sul, 25%) foi de apenas 28,2%.

Pedro Gomes (29,5%), Glória de Dourados (30,4%), Deodápolis (31,8%) e Nova Alvorada do Sul (31,8%) são as outras 4 cidades onde menos se cumpre a recomendação de se manter em isolamento. Na lista das 5 que mais seguem a orientação, estão Caracol (53,1%), Tacuru (51,5%), Iguatemi (50%) e Juti (47,4%).

Em todos os casos, porém, o isolamento social ficou bem abaixo dos 70% considerados apropriados para conter a circulação do novo coronavírus (clique aqui e confira o ranking completo).

“O número de casos tem crescido muito nos últimos dias. Há poucos dias tivemos 23, ontem mais 15 e hoje, mais 20 casos. O crescimento está sendo exponencial. Fazemos um apelo para o isolamento social, especialmente numa data em que culturalmente as famílias se reúnem para comemorar o Dia das Mães”, disse o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, na manhã deste sábado (9), ao voltar a defender o isolamento social como meio de frear o avanço do coronavírus e recomendar que a população evite contato presencial neste domingo (10), Dia das Mães, a fim de evitar aglomerações e o contágio.

Jornal Midiamax