Casos de coranavírus disparam em penitenciária da fronteira

Autoridades sanitárias também investigam 283 suspeitas de infecção

Na expectativa de reabertura da fronteira entre Paraguai e Brasil, casos de infecções disparam na Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero, na divisa com Mato Grosso do Sul. Segundo levantamentos da instituição paraguaia, o número de testagens positivas é de 168. Desse total, 108 são internos e 68 pertencem ao quadro de funcionários.

Segundo o coordenador médico da instituição penitenciária, Carlos López, de acordo com informações do ABC Color, dos casos confirmados, cinco estão em leitos de enfermaria do Hospital Regional de Pedro Juan Caballero e um está em UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Além das  pessoas infectadas, que estão em isolamento, há 283 casos suspeitos. Para evitar novos contágios, um dos internos foi transferido para o Hospital Nacional de Itauguá, segundo informou o médico da penitenciária de Pedro Juan Caballero.

Casos de coranavírus disparam em penitenciária da fronteira
Mais notícias