Bióloga de MS que sofreu acidente no Peru está na UTI com quadro estável

A sul-mato-grossense viajava para La Paz com o namorado

Após sofrer um acidente enquanto viajava para La Paz, no Peru, a bióloga Mariana Pires Veiga Martins, 28 anos, passou por cirurgias e permanece na UTI em estado estável. O acidente aconteceu na noite da última segunda-feira (06) e deixou pelo menos 14 pessoas mortas.

Entre os passageiros do ônibus haviam dois sul-mato-grossenses, Mariana e seu namorado, o técnico de Segurança do Trabalho Danilo Pereira de Oliveira Alencar. O técnico contou ao Jornal Midiamax que foi até Lima para ver a bióloga.

Segundo Danilo, a bióloga está em estado estável, mas “se recupera lentamente”. O técnico foi responsável por prestar os primeiros socorros à namorada, que teve que passar por cirurgias devido aos ferimentos. “Ela está na UTI, mas quadro é estável”, contou aliviado.

O acidente

O acidente aconteceu na rodovia Pan-Americana, em Arequipa, no distrito de Yauca. Conforme informações do jornal La República, o ônibus da empresa Cruz del Sur acabava de passar pelo pedágio de Yauca quando, ao fazer uma curva para a direita, virou para o lado esquerdo e deslizou por 45 metros, colidindo com uma linha de minivans e carros.

Havia 52 passageiros no ônibus e a maioria deles estava dormindo na hora do acidente. De acordo com a Sutran (Superintendência de Transporte Terrestre de Pessoas, Cargas e Mercadorias), indícios apontam que o ônibus estaria acima da velocidade permitida para a via.

Mais notícias