Aumento de casos não intimida e mais de 300 pessoas são flagradas nas ruas

Pessoas foram abordadas e orientadas a retornarem para casa

O aumento de casos de coronavírus em Mato Grosso do Sul, não tem assustado e nem deixado as pessoas em casa. Somente na noite desta sexta-feira (07), durante ação de toque de recolher, a Guarda Civil Metropolitana abordou 308 pessoas nas ruas de Campo Grande.

Como medida adotada durante as fiscalizações, as pessoas são abordadas e orientadas a retornarem para casa. Ainda, durante o período, a Guarda esteve em 13 residências após denúncias de festinhas. Nestes locais também foram feitas orientações.

Os estabelecimentos comerciais da Capital também foram fiscalizados, 32 pela Guarda e 17 pela Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano). Um estabelecimento foi interditado.

O cenário se torna mais crítico, já que Campo Grande e outras duas cidades do interior registram 65% das mortes por coronavírus em MS. Pesquisa analisou os dados entre 18 de julho e 1º de agosto e aponta que as três microrregiões de saúde tiveram um aumento expressivo no número de casos.

Nestas duas semanas epidemiológicas, foram registrados 3.599 novos casos em Campo Grande.

Aumento de casos não intimida e mais de 300 pessoas são flagradas nas ruas
Mais notícias