Após morte de professoras por Covid-19, ACP pede suspensão de atividades presenciais em escolas

Categoria afirma estar preocupada com a quantidade de casos afetando os servidores

Após uma diretora e duas professoras morrerem por , o novo coronavírus, a (Sindicato Campo-Grandense dos Profissionais da Educação Pública) encaminhou ofício para as secretarias de educação pedindo pela suspensão das atividades presenciais nas escolas. As secretarias ainda não haviam se posicionado ao sindicato.

Conforme os ofícios encaminhados para a (Rede Municipal de Ensino) e para a SED (Secretaria Estadual de Ensino), a diretoria do sindicato pediu a suspensão imediata das atividades nas escolas enquanto durar o surto da doença em MS, “a fim de preservar a vida dos servidores”.

O presidente do sindicato, Lucílio Nobre, disse ao Jornal Midiamax que  “ e colegas muito preocupados. Tivemos o falecimento de duas professoras e uma diretora recentemente e também estamos acompanhando os boletins epidemiológicos, situação nos hospitais, dando conta de que está muito alta o contágio. Por isso pedimos a suspensão e que mantenham os trabalhos remotos”, explicou.

De acordo com Nobre, os professores, equipe pedagógica e do setor administrativo estão indo presencialmente nas escolas para entrega de materiais e fechamento de notas. A diretora que faleceu devido a doença era responsável pela direção da Escola Estadual Orcílio Thiago de Oliveira.

“As mortes da professoras aconteceram há três dias e na semana passada, tivemos a morte da diretora. Sem contar os inúmeros casos. Isso reacendeu a luz vermelha do coronavírus nas escolas”, pontuou Lucílio Nobre. A reportagem entrou em contato com as assessorias de imprensa da e da SED para verificar a possibilidade de suspensão das atividades presenciais e aguarda retorno.

Mais de 101 mil casos de coronavírus em MS

Mato Grosso do Sul já soma 101.102 casos confirmados de Covid-19, com 951 novos registros nesta quarta-feira (2). Foram registrados mais 13 óbitos causados pela doença, conforme o boletim epidemiológico do novo Coronavírus, apresentado diariamente pela SES (Secretaria de Estado de Saúde).

Com bases nos números, a média móvel no Estado foi calculada em 921,4 casos por dia, nos últimos 7 dias. O boletim traz que nas últimas 24 horas foram registrados 13 óbitos, elevando o total de vítimas fatais em MS para 1.793 e a média móvel em 7,3 óbitos por dia, nos últimos 7 dias. A taxa de letalidade caiu para 1,8%.

Os novos óbitos foram registrados em Campo Grande (4), Naviraí (2), Vicentina (2), Camapuã (1), Corumbá (1), Fátima do Sul (1), Japorã (1), Ladário (1).

A SES também destacou que MS já contabiliza um total de 385.203 casos notificados, dos quais 275.746 foram descartados. Há 2.801 testes em análise no Lacen (Laboratório Central de ) e 5.564 casos sem encerramento pelos municípios.

Os novos casos de hoje trazem Campo Grande à frente, com 423 novos casos, seguida por Dourados (67), Maracaju (38), Naviraí (38), Ponta Porã (30), dentre outros. Confira a tabela na galeria abaixo para mais detalhes e demais localidades.

Após morte de professoras por Covid-19, ACP pede suspensão de atividades presenciais em escolas
Mais notícias