Só com 2 mamadeiras na geladeira, mãe faz apelo para doação de leite para filha alérgica

Bebê de um ano é alérgica a lactose e mãe está doente aguardando aprovação do INSS. Veja como ajudar.

Debora de Brito Palmeira da Silva, está afastada do trabalho, e está aguardando aprovação do (Instituto Nacional do Seguro Social), para continuar arcando com a alimentação da filha, de apenas uma ano, que sobre de intolerância a lactose. A mãe tem apenas duas mamadeiras com o leite especial na geladeira, para esta segunda-feira (29).

A mãe conta que está empregada, porém, precisou se afastar para fazer um tratamento psiquiátrico. Os laudos que enviou para o seguro, estão em análise desde 14 de abril. Sem renda, ela abriu uma vaquinha de R$ 1 mil, para arcar com o leite da criança e alimentação.

“A Manuele foi diagnosticada com alergia a lactose com 1 mês de nascimento. Como trabalho eu sempre comprei o leite. Nunca passei por isso. Sim cuido dela sozinha. Estou vivendo de doações. Tenho mais 2 mamadeira, depois que acabar essas ela vai fica sem, pois não tenho nada”, lamenta.

A mãe está aceitando doações do leite sem lactose. As doações podem ser feitas pela vaquinha online, ou entre em contato com a Debora pelo telefone (67) 99664-9487 ou WhatsApp (67) 9243-1956.

Só com 2 mamadeiras na geladeira, mãe faz apelo para doação de leite para filha alérgica
Mais notícias