Cotidiano

Agentes de saúde denunciam chefe por manter equipe aglomerada em UBS de Campo Grande

A cena assusta quem precisa procurar a UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro Guanandi, em plena pandemia do coronavírus (covid-19), aproximadamente 35 agentes comunitários de saúde estão aglomerados na recepção do posto e se dizem impedidos de sair nesta terça-feira (12). Conforme o relato dos servidores, que preferem não se identificar, uma lista estaria […]

Ana Paula Chuva Publicado em 12/05/2020, às 10h45 - Atualizado às 17h13

Arquivo | Midiamax
Arquivo | Midiamax - Arquivo | Midiamax

A cena assusta quem precisa procurar a UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro Guanandi, em plena pandemia do coronavírus (covid-19), aproximadamente 35 agentes comunitários de saúde estão aglomerados na recepção do posto e se dizem impedidos de sair nesta terça-feira (12).

Conforme o relato dos servidores, que preferem não se identificar, uma lista estaria sendo passada a cada 2 horas para certificar que ninguém foi embora. “Quem sair leva falta e vai ser descontado. Devíamos ser liberados. Estamos em uma pandemia. Não podemos ir visitar as casas com esse tempo de chuva”, relatou.

Além da falta de EPI, segundo os servidores, eles também não recebem capa e guarda-chuva “Estamos há dias sem equipamento de proteção, estamos comprando máscaras por com nosso dinheiro e agora estamos obrigados a ficar aqui aglomerados. Exigem da população, mas nós agentes de saúde estamos virando agentes de contaminação. Não temos nem guarda-chuva há anos”, completa.

Ao Jornal Midiamax, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) informou que devido a chuva constante que atinge a região, os profissionais, não conseguem sair da unidade de saúde para as visitas domiciliares e precisam cumprir o horário de serviço dentro do local, ajudando no acolhimento à população que busca por atendimento de saúde.

Sobre a aglomeração, a secretaria informou que por conta da chuva a procura por atendimento também é baixa,por isso não há aglomeração no local.

* Matéria editada às 11h45 para acréscimo de resposta. 

Fala Povo: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax