VÍDEO: Mesmo com fiscalização, pais ignoram regras e ‘tumultuam’ saída de escola

Ford EcoSport fica por mais de 6 minutos parado impedindo até mesmo a passagem de outros veículos

Área fiscalizada por câmeras, presença de agentes de trânsito, faixa amarela, placas que permitem estacionamento apenas para embarque e desembarque, são as sinalizações encontradas próximo às escolas localizadas na região da rua Rio Grande do Sul, em Campo Grande, e que são ignoradas pelos pais.

Por volta das 17h, os carros começam a estacionar, na rua lateral onde estão as entradas dos colégios Adventista e Criatividade. Por volta das 17h10 o fluxo aumenta e quem deseja apenas passar pela via fica impedido com a formação das filas duplas e dos carros estacionados nos dois lados.

Uma equipe do Jornal Midiamax esteve no local e pode verificar o número de irregularidades encontradas, além de ser informado por trabalhadores da região, que a visita de agentes de trânsito e de equipes da PM (Polícia Militar) é constante na região, mas nem isso intimida os motoristas.

Nesta segunda-feira (20), no momento em que a equipe de reportagem esteve no local, foi possível ver, além de outras infrações, o momento em que a motorista de um veículo Ford EcoSport simplesmente liga o alerta do carro, para na rua lateral de uma das escolas, e entra para dentro do estabelecimento, onde permanece por mais e 6 minutos.

No período em que ela fica dentro da escola, a motorista de um Corsa Classic, tenta passar pela rua, mas não consegue, pois além do tamanho do Eco Sport, há também os veículos estacionados na via dos dois lados.

Atrás dela, a condutora de um Hyundai HB20, também para e entra no colégio, voltando por volta de 4 minutos depois. Abre tranquilamente o porta malas para guardar a mochila da criança e logo após segue viagem.

Em outro momento, foi possível identificar o motorista de um outro veículo, para próximo à faixa de pedestre quase na esquina da via, uma mulher desce com uma criança de colo e o motorista fica no carro parado ali no meio da via com o pisca-alerta ligado.

Além disso, carros estacionados por mais tempo que o permitido em locais com a sinalização amarela, e placa de permissão apenas para embarque e desembarque. Motoristas que param em frente às guias rebaixadas, ignorando a proibição, e até mesmo crianças nos bancos sem a cadeirinha.

O vídeo foi editado por conta da permanência longa do carro em frente à escola.

Sinalização em frente às escolas

De acordo com a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), o monitoramento por câmeras – drones – é feito pelo BPTran (Batalhão de Trânsito da Policia Militar).

Quanto à sinalização, a agência informou ao Jornal Midiamax, que realiza um estudo técnico individualizado analisando a necessidade de cada escola, e após o levantamento é elaborado um projeto para a demanda do local.

Eles ressaltam que, a solicitação pode ser protocolizada na sede da Agetran e após a realização do estudo técnico, o pedido entra na programação de atendimento, obedecendo um cronograma de serviços.

Sobre a fiscalização de trânsito, o endereço da escola é encaminhado à equipe de fiscalização, para ser incluído na escala de serviço dos agentes de trânsito.’

Mais notícias