Todas cidades de MS têm sensação térmica acima dos 40ºC nesta segunda

Em Campo Grande a sensação térmica é de 43,2°C

A semana iniciou ‘pegando fogo’ em Mato Grosso do Sul, a sensação térmica média do Estado nesta segunda-feira (16) é de 44,1°C. Treze dos 79 municípios com sensação de 45°C e em Campo Grande a temperatura aparente é de 43,2°C.

De acordo com o meteorologista Natálio Abrão, a média de temperatura máxima do Estado chegou aos 39,7°C, sento até o momento a temperatura média história de 31,5ºC, oito pontos acima. Coxim, a 253 quilômetros de Campo Grande, que registrou a maior temperatura no país nesse domingo (15), continua na lista com a maior temperatura do Estado 41,7°C e a maior sensação térmica atingindo os 49°C.

Outros 12 municípios registraram a sensação térmica de acima dos 45°C, Água Clara, Amambaí, Aquidauana, Dourados, Itaquiraí, Jardim, Maracaju, Ribas do Rio Pardo e Bonito.

Seis cidades tiveram as temperaturas máximas atingindo os 41°C. Amambaí com 41°C, Aquidauana com 41,3°C, Coxim com 41,7°C, Dourados com 41,2°C, Maracaju com 41,1°C e Porto Murtinho com 41°C.

Ainda conforme o Natálio, na quinta-feira (19), a possibilidade de chover em Campo Grande é de 30%. Mas no restante do Estado a chuva pode chegar na sexta-feira (20). A umidade relativa do ar média no Estado está em 14,2%, uma situação de pré-emergência.

Mas o que é sensação térmica? Segundo especialistas, a sensação térmica é o termo usado para determinar como nós percebemos a temperatura ambiente, que difere quase sempre da temperatura real, já que uma série de variáveis podem influenciar na forma como nosso corpo sente a temperatura sendo elas a umidade, a densidade e a velocidade do vento.

Orientações

Segundo o Corpo de Bombeiros, devido ao grande calor as orientações são: se manter hidratado ingerindo bastante água, evitar bebidas alcoólicas e café, evitar exposição ao sol entre as 10h e as 16h. Usar protetor solar além de bonés, chapéus e sombrinhas se possível.

Em casa utilizar os umidificadores de ar, caso não tenha, colocar bacias com água nos ambientes ou toalhas molhadas. E em caso de emergência entrar em contato através do 193.

Mais notícias