Sesau reduz carga horária de servidores do Ambulatório de Saúde Mental do CEM

Secretaria de Saúde garante que mudança não afetará atendimento aos pacientes

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) reduziu de 8h para 6h a carga horária dos servidores que atuam no Ambulatório Municipal de Saúde Mental em funciona no CEM (Centro de Especialidades Médicas), em Campo Grande.

Com a mudança, os trabalhadores que antes faziam 40h semanais, agora atuaram em 30h por semana. A secretaria garante que o atendimento ao público não será afetado. O Ambulatório continuará funcionando, conforme a Sesau, das 7h às 11h e das 13h às 17h.

A alteração da carga horária era uma reivindicação dos servidores do local que foi atendida pela secretaria. Agora, a unidade deve encaminhar a proposta de jornada de trabalho, “demonstrando ter disponibilidade de quadro de pessoal suficiente para os postos de trabalho, responsabilizando-se de que o serviço quantitativo e qualitativo não será prejudicado ou reduzido e de que não acarretará prejuízo a população”, segundo dizia nota da secretaria.

Atualmente no local trabalham 19 servidores, sendo 12 médicos, um assistente social, uma enfermeira, uma técnica de enfermagem, duas psicólogas e dois administrativos.

Mais notícias