SES diz que convocou 207 novos funcionários para HRMS e orienta diálogo com nova diretoria

Segundo trabalhadores, o déficit no hospital seria de 232 funcionários

Os trabalhadores do HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul) fizeram uma paralisação na manhã desta quinta-feira (21) por concurso público para contratação de novos profissionais. Segundo trabalhadores, o déficit seria de 232 funcionários. Em nota, a SES (Secretaria de Estado de Saúde) disse que contratou 207 profissionais no mês de outubro.

Conforme informações da secretaria, a nova diretoria do HRMS assumiu há duas semanas e está em diálogo com o sindicato dos trabalhadores. Segundo a SES, a orientação é estabelecer diálogo da diretoria com os servidores.

A paralisação durou uma hora na manhã desta quinta (21) e trabalhadores devem parar novamente durante a tarde. Conforme dados dos funcionários, o hospital tem um déficit de 192 técnicos de enfermagem e 40 enfermeiros.

A técnica de enfermagem Mara de Oliveira explica que geralmente a escala, que deveria ter 26 funcionários, tem apenas 14. Com isso, quem sobre é a população. “Às vezes atendemos 10 pacientes, mas devia ser seis. Não temos condição de atender todo mundo, mas às vezes a pessoa está tão necessitada que a gente dá um jeito”, afirma.

Mara diz que muitas vezes, a população não entende o que acontece e os funcionários acabam agredidos verbalmente ou até fisicamente. Ela explica que até já foi empurrada no corredor do hospital. Com isso, trabalhadores acabam pegando atestado médico pelo desgaste psicológico.

Mais notícias