Saúde confirma sétimo caso de leishmaniose em cidade de MS

A SMS (Secretaria Municipal de Saúde) de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, confirmou mais um caso de leishmaniose no município. O boletim de monitoramento divulgado esta semana mostra que um homem de 71 anos foi diagnosticado com a doença no último dia 8.

De acordo com o site Rádio Caçula, o paciente foi diagnosticado, atendido e medicado no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora.

Três Lagoas já recebei 167 notificações da doença em 2019, dessas foram confirmados sete casos positivos, entre eles a morte de uma criança de 1 ano no dia 10 de março e um idoso de 76 anos, no dia 14 de setembro.

Vale lembrar que, a Leishmaniose é uma doença não contagiosa e a transmissão do parasita ocorre através da picada do mosquito fêmea infectado. Os principais sintomas da doença visceral são indisposição, anemia, febre, perda de peso e inchaço no baço, fígado e gânglios linfáticos.

Mais notícias