Reviva Campo Grande: interdição da Afonso Pena com 14 de julho deve durar 90 dias

Tempo pode variar em caso de chuva

A interdição para as obras do Programa Reviva Campo Grande, no treco da avenida Afonso Pena com a rua 14 de julho, devem durar 90 dias, 45 em cada lado da pista, segundo a Engepar.

No sentido Aeroporto-Parque dos Poderes, a pista foi completamente fechada para a implantação das infraestruturas pesadas, como drenagem e elétrica. E após 45 dias, a interdição será feita no sentido Parque dos Poderes-Aeroporto, liberando a outra pista e podendo durar o mesmo tempo ou variar conforme o período chuvoso.

De acordo com as informações, para amenizar a questão do trânsito e informar o motorista e o pedestre das interdições, foram instaladas nove faixas de aviso em vários pontos da capital, nas imediações do trecho interditado: na Praça Newton Cavalcante, no início da Avenida Afonso Pena; na Avenida Afonso Pena, próximo a FIEMS; na Avenida Afonso Pena, próximo a Casa de Ensaio, e na Avenida Afonso Pena, próximo a Ernesto Geisel.

Mais notícias