Prometida para daqui a 1 mês, obra de corredores de ônibus tem períodos de ‘paradeira’

Obra ainda é de competência do Exército e empresa terceirizada está construindo os corredores

Os corredores de ônibus das ruas Guia Lopes e Brilhante seguem sendo construídas, mas os intervalos constantes da obra geram questionamento dos moradores da região. No total serão cinco pistas especiais para o transporte público e deve ficar pronto em um mês.

O Jornal Midiamax foi até o local por volta das 15h desta sexta-feira (12) e verificou que três corredores estão parcialmente finalizados. Ainda em fase de construção, o corredor localizado na Brilhante, entre as ruas Argemiro Fialho e Ciriaco Maymone, diversos cones na pista, faixas de isolamento e nenhum maquinário ou trabalhador no canteiro de obras, indicam que o trecho ainda não está pronto.

Foto: Mariane Chianezi/Jornal Midiamax

Os moradores que vivem na região, estranham a demora para a obra do corredor ser finalizada. Altair Vieira, de 48 anos, disse que funcionários vão ao local periodicamente, mas a obra parece não terminar.

“Tem uns meses que começou a fazer esses corredores, mas ainda não terminaram. A gente sabe que é um trecho mais reforçado, né, por causa dos ônibus, mas acho que não justifica essa demora toda”, pontuou.

Em outro ponto da Brilhante, entre a Avenida Constantino e a Rua Campinas, a mesma situação: canteiro vazio e obra em intervalo.

A senhora Maria Eunice, de 64 anos, disse que mora em uma rua atrás da Brilhante e não vê a hora de obra total ser finalizada. “Eu acho que o caos maior já passou com o recapeamento. Agora é torcer para eles terminarem isso aqui logo, sinalizar, fazer as faixas para a gente atravessar, e tudo certo”.

A assessoria de imprensa da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), disse que a obra ainda é de competência do Exército e quem está fazendo os corredores de ônibus é uma empresa terceirizada. Além disso, explicou que os intervalos na obra são devido ao tempo necessário de cura do concreto instalado.

Mais notícias