Para acelerar processo, audiência é feita por Skype no interior do MS

A iniciativa foi de um juiz do TRT, da vara de Rio Brilhante

Pela primeira vez, o TRT/MS (Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso do Sul), da Vara de Rio Brilhante, utilizou a ligação por vídeo do Skype para ouvir testemunhas e advogados de quatro locais diferentes, inclusive no exterior. A tomada dos depoimentos foi feita em uma única sessão, pelo juiz Maurício Sabadini, na última semana.

Foram ouvidas testemunhas que estavam em Uberaba (MG) e Lisboa (Portugal), com a participação dos advogados, que estavam em Campo Grande (MS) e São Paulo (SP), pelo magistrado do inteiro do Estado.

Por meio da assessoria, Maurício Sabadini explicou que os tramites comuns, de emissão de carta precatória, tornaria o processo ainda mais lento, principalmente por uma das testemunhas estar fora do Brasil. “Toda audiência foi grava em áudio e vídeo pelo próprio programa, registrados na ata do Processo Judicial Eletrônico do Trabalho da 24º Região”.

O magistrado conclui afirmando que buscam sempre a agilidade e eficiência da solução dos casos. “Os juízes do trabalho sempre procuram imprimir rapidez na prática dos atos processuais, concentrando a prática da maior parte deles em audiência e sem perder de vistas a qualidade das decisões”, afirma.

Mais notícias