Notificações de sarampo sobem para 79 e 15 casos são investigados na Capital

Estoques de vacina estão abastecidos, disse SES-MS

O número de notificações de casos de sarampo em Mato Grosso do Sul já é de 79, conforme informado pela SES-MS (Secretaria de Estado de Saúde) nesta segunda-feira (14) e dos casos, 15 seguem em investigação em Campo Grande.

Dos casos notificados, 31 já foram descartados e 46 seguem em investigação. Além de Campo Grande, dois casos são investigados em Alcinópolis, Água Clara, Aparecida do Taboado, Chapadão do Sul e Naviraí. Nos municípios de Bela Vista, Dourados, Japorã, Miranda, Nioaque, Paranaíba, Paranhos, Pedro Gomes e Ponta Porã, tem um caso cada um em investigação. Em Aquidauana existem seis casos investigando e em Coxim e Três Lagoas, três.

A secretaria ressalta que todas as amostras coletadas dos pacientes com suspeita da doença são encaminhadas ao Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública) e também para o laboratório da Fiocruz (Fundação Osvaldo Cruz) no Rio de Janeiro. As suspeitas só são descartadas ou confirmadas após o resultado da Fiocruz.

Vale lembrar que em MS foram confirmados até o momento apenas dois casos de sarampo. Um homem de 52 anos em Três Lagoas, a 338 quilômetros da Capital, e um bebê de 10 meses em Campo Grande.

A SES-MS ressalta que todos os municípios estão com os estoques de vacina contra o sarampo abastecidos e que não há circulação do vírus do sarampo no Estado. Mas estão sendo realizadas ações de investigação, bloqueio vacinal e isolamento em relação aos casos suspeitos, desde a notificação inicial dos casos.

Notificações de sarampo sobem para 79 e 15 casos são investigados na Capital
Mais notícias