No Los Angeles, mutirão de combate ao Aedes inspeciona mil imóveis

Foram eliminados 624 depósitos do mosquito

Mais de 1 mil imóveis no bairro Los Angeles, em Campo Grande, foram inspecionados nesta terça-feira (13) pelo mutirão de Combate ao Aedes aegypti. Ao todo foram eliminados 10 focos e 624 depósitos do mosquito.

De acordo com as informações, 798 imóveis estavam fechados e não foram visitados. Ao todo, 56 servidores da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) estiveram envolvidos no trabalho de remoção de materiais inservíveis, eliminação de focos e orientação aos moradores.

O mutirão tem o objetivo de intensificar é intensificar as ações para garantir que o município não enfrente novas epidemias no próximo ano, conforme explicado pela superintendente de Vigilância em Saúde da SESAU, Veruska Lahdo.

Até o fim de agosto, os agentes devem percorrer também a região do São Conrado e Paradiso.

Dados epidemiológicos

Segundo o boletim epidemiológico divulgado esta semana pela Superintendência de Vigilância em Saúde, em julho foram notificados 474 casos de dengue, uma redução de quase 80%, comparado com o mês anterior que foram registradas 2.281 notificações.

Ainda conforme o documento, de janeiro até o momento, foram mais de 38 mil casos da doença notificados, sendo 8,7 mil confirmados e oito óbitos. Foram notificados 397 de zika e 201 chikungunya no mesmo período. Boletim epidemiológico completo disponível aqui.

 

Mais notícias