Marquinhos assina ordem de serviço para início de revitalização em parques de Campo Grande

Parques Sóter, Jacques da Luz e Ayrton Senna receberão quase R$ 2,3 milhões para revitalização

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) assinou na manhã desta quarta-feira (23) as ordens de serviço que autorizam o início das obras de revitalização dos parques Sóter, Jacques da Luz e Ayrton Senna, em Campo Grande.

Segundo Marquinhos, licitações não sofrerão aditivos | Foto: Marcos Ermínio | Midiamax

As revitalizações terão investimento de quase R$ 2,3 milhões, oriundos da linha de crédito Finisa (Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento), da Caixa Econômica Federal, e tem previsão de entrega em agosto de 2020. As três reformas foram orçadas em R$ 2.942.068,83, mas com a concorrências nas licitações, o valor caiu 22,61% (R$ 665.916,05), ficando em pouco mais de R$ 2,2 milhões.

“Conseguimos empréstimo para fazer essas reformas e devolver os parques á população. Os parques são nossas praias no fim de semana, então a população conta com eles. Conseguimos uma grande redução no valor das licitações, que foram vencidas por EPP (Empresas de Pequeno Porte). Fizemos apelo para eles concluírem as obras com esses valores, pois não serão concedidos aditivos”, destacou o prefeito.

Investimentos

As obras de revitalização nos três parques somam investimentos de R$ 2.276.152,78. Deste total, R$ 899.947,02 são referentes ao Parque Ayrton Senna, onde haverá troca das instalações elétricas, hidráulicas, sanitárias (com a construção de banheiros para pessoas com deficiência física), reparos no telhado da quadra coberta ( que receberá nova pintura). Também serão instalados 600 metros de telas de proteção para evitar que pássaros façam ninho na cobertura, além de substituição do forro e  ampliação do bloco administrativo.

No Jacques da Luz, a reforma está orçada em R$ 755.523,58 e  também abrangerá toda esta estrutura física. Já no Sóter, as obras custarão R$ 600.682,17, o projeto inclui reforma do pergolado, de 90 pilares do playground, dos brinquedos e do gradil.

O diretor-presidente da Funesp (Fundação Municipal do Esporte), Rodrigo Terra destacou que a entrega dos equipamentos esportivos e de lazer proporcionarão fomento ao esporte na Capital, assim como a vinda de eventos esportivos de grande porte à cidade, colocando Campo Grande numa rota esportiva nacional.

Segundo Terra, obras permitirão explorar potencial esportivo de campo-grandenses | Foto: Marcos Ermínio | Midiamax

Ele detalhou, ainda, que a administração prevê reformas nas praças do Guanandi, Moreninhas e implantação de dez academias ao ar livre espalhadas pela cidade.

“Todas essas reformas são desdobramentos de um pacote de obras que lançamos esse ano, com mais de R$ 30 milhões para mais de 30 obras, que vão devolver ao campo-grandense a exploração do potencial esportivo, que movimentam a economia nesse setor e que proporcionam mais espaços de lazer na cidade”, conclui.

Mais notícias