Agetran volta a julgar multas aplicadas há 5 anos contra Consórcio Guaicurus

Nesta semana, outras 20 multas de 2014 também foram analisadas pela junta da agência

A Junta de Análise e Julgamentos de Recursos da Agereg (Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos) iniciou o julgamento de mais 16 multas aplicadas ao Consórcio Guaicurus há 5 anos atrás. Os autos começaram a ser julgados no fim da manhã desta sexta-feira (8).

Na última terça-feira (5) a junta havia analisado e julgado outros 20 autos de infração aplicados em 2014 e 2015. Apesar de contatada, a Agetran não divulgou qual foi o resultado do julgamento.

De acordo com a pauta dos julgamentos, das infrações registradas, 9 são referentes a “Descumprir horário de viagem conforme estabelecido nas ordens de serviços por linha, acima da tolerância permitida”; 2 por “Falta de tripulação reserva nos terminais de transbordo”; 2 por “Motorista recusar passageiro sem motivo justificado” e 3 multas por “Ausência de veículo articulado nas tabelas exigidas pela Agetran”.

Os detalhes podem ser lido no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) na página 32. O julgamento segue sendo realizado na sede da Agereg (Rua Eduardo dos Santos Pereira, 1.725, Vila Gomes).

Mais notícias