Órgão da Agetran julga multas contra Consórcio Guaicurus nesta terça-feira

Maioria das infrações é por falta carro reserva nos terminais de transbordo

A Jarit (Junta Administrativa de Recursos de Infração de Transporte) julgará na próxima terça-feira (5), a partir das 17h, processos administrativos movidos contra o Consórcio Guaicurus, responsável pelo transporte coletivo da Capital.

Os julgamentos são referentes a 20 autos de infração aplicado neste ano de 2019. De acordo com a pauta dos processos, das infrações registradas, 6 são referentes a “falta carro reserva nos terminais de transbordo”, 4 por “transitar com falta de legendas obrigatórias”, 5 por “transitar com alteração das cores aprovadas nos veículos”, 3 por “descumprir horário de viagem conforme estabelecido nas ordens de serviço por linha”, 1 por “ausência de veículo articulado nas tabelas exigidas pela Agetran” e mais 1 por “atrasar para iniciar a operação, sem motivo justificado”.

O julgamento será realizado na sede da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), localizado na Avenida Gury Marques, 2.395.

Mais notícias