Publicidade

Internado desde o Dia das Mães, criador de Jogos Indígenas e CMDDI morre na Santa Casa

Atuante na causa indígena principalmente em Campo Grande, Adierson Venâncio, 50, um dos criadores da CMDDI (Conselho Municipal dos Direitos e Defesa dos Povos Indígenas), morreu na Santa Casa nesta terça-feira (21) após sofrer um acidente no último Dia das Mães (12), em Campo Grande.

Adierson também esteve à frente da criação dos Jogos Indígenas Urbanos e da aldeia Água Bonita, localizada na região do Tarsila do Amaral, norte da Capital. Ele também foi Coordenador de Assuntos Indígenas de Campo Grande na gestão de Alcides Bernal (PP) e trabalhou com a então vereadora Luiza Ribeiro (PPS) entre 2013 e 2016 na Câmara de Vereadores. Atualmente Adierson estava à frente da Casai Casa de apoio à Saúde do Índio).

“Sempre foi identificado com a luta indígena, pessoa fantástica. Sempre militou na política, se dedicou para a cidade e para que a cidade ficasse melhor para o indígena”, diz Luiza.

O acidente envolveu dois veículos de passeio no macroanel, nas proximidades do Shopping Bosque dos Ipês. Adierson retornava como passageiro em um dos carros, da casa de sua mãe no Jardim Noroeste e seguia para casa na Aldeia Água Bonita, região do Tarsila do Amaral, quando houve o acidente. Ele foi levado para atendimento pela CCR Vias à Santa Casa onde veio a falecer nesta terça. O velório acontece na aldeia Água Bonita e o sepultamento nesta quarta-feira (22)  às 16h no Cemitério Cruzeiro do Sul. (Atualizada para acréscimo de informações)

 

Mais notícias