Instituto Federal de MS abre vagas para transferência e portadores de diploma

São 134 vagas para pessoas portadores de diploma e outras 196 para transferências internas e externas

O IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) abriu 330 vagas nesta segunda-feira (17) para cursos superiores. São 134 vagas para pessoas portadores de diploma e outras 196 para transferências internas e de outras instituições.

As vagas são para custos de tecnologia, bacharelados e licenciaturas nos municípios de Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina e Três Lagoas. O edital com a oferta de vagas e as regras do processo seletivo está disponível na página do IFMS.

Das quase 200 vagas para transferências, 122 para mudanças externas e 74 para transferências dentro do Instituto Federal.

Para concorrer a uma vaga, o candidato deve ter diploma de nível superior – no caso dos portadores de diploma –, estar cursando graduação em outra instituição de ensino – para transferência externa – ou ser estudante do IFMS que queira se transferir para outro curso dentro da mesma área de conhecimento – na transferência interna.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas na Cerel (Central de Relacionamento) do campus onde a vaga é ofertada, entre os dias 24 e 26 de junho. Os endereços e horários de atendimento constam no edital de abertura do processo seletivo.

Os portadores de diploma e interessados em transferência externa deverão apresentar os seguintes documentos: requerimento de inscrição (em duas vias); cópias e originais do RG e CPF; cópia e original do diploma de ensino superior (portador de diploma); comprovante de matrícula recente (transferência externa); histórico acadêmico/escolar (com cargas horárias das disciplinas e notas); e ementa das disciplinas.

Para transferência interna é necessário apresentar originais e cópias do RG, CPF, histórico escolar e uma carta pessoal informando os motivos da transferência.

A documentação será analisada por comissões formadas por três servidores do Instituto Federal. A classificação será feita com base no histórico escolar e nas ementas. A previsão é que o resultado preliminar seja divulgado no dia 2 de julho, e o final no dia 5 de julho. As matrículas deverão ser feitas nos dias 9 e 10 do mesmo mês.

Candidatos não convocados na primeira chamada irão compor uma lista de espera que poderá ser utilizada para o preenchimento das possíveis vagas remanescentes. (Com assessoria)

Mais notícias