Polícia multa ‘vovó motosserra’ por desmatar e vender madeira ilegal

A senhora de 80 anos praticava queimadas na fazenda em que era proprietária

Um proprietária rural de 80 anos foi autuada por desmatar e provocar queimadas ilegais na fazenda onde mora. A ação ocorreu na tarde da segunda-feira (02) e foi realizada pela PMA  (Polícia Militar Ambiental) de Bela Vista.

A propriedade fica localizada a 60 km da cidade e a idosa já havia desmatado cerca de 23 hectares para plantação de pastagem. Além desta irregularidade, a senhora também comercializava madeira ilegal e praticava queimadas na mata nativa da fazenda.

Além de ser autuada administrativamente, ela foi multada no valor de R$ 8,9 mil. A proprietária rural também responderá por crimes ambientais e pode receber pena de até um ano de detenção.

Mais notícias