Publicidade

Homem sofre queimaduras após vazamento de gás e Bombeiros alertam para cuidados

Ele tentava cozinhar com um fogareiro adaptado em um botijão de gás

Um homem de 58 anos sofreu um acidente depois de vazamento de gás GLP quando cozinhava em um fogareiro em Corumbá, a 425 km de Campo Grande. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros, que fez os primeiros socorros. O homem teve queimaduras de 1° e 2° grau no rosto, tórax, abdômen, braço, antebraço, ombro e joelhos.

A vítima contou aos Bombeiros que estava cozinhando em um fogareiro adaptado em um botijão de gás, quando chamas começaram a sair. Para parar o fogo, o homem tentou deitar o botijão, quando houve uma explosão, que acabou causando os ferimentos.

Para evitar novas vítimas de situações relacionadas ao vazamento de gás, o Corpo de Bombeiros de Corumbá deu algumas dicas. Em caso de vazamento sem fogo, a recomendação é fechar o registro de gás, afastar as pessoas do local, não acionar interruptores de eletricidade e desligar a chave geral de energia somente se estiver do lado de fora da casa. Além disso, a pessoa não deve fumar nem acender isqueiros.

Em caso de vazamento em ambiente fechado, a recomendação é abrir as portas e janelas. “Entre em contato com a empresa distribuidora de gás e, em casos mais graves, chame o Corpo de Bombeiros Militar no número 193”, aconselha.

Já em casos de vazamento de gás com chamadas, os Bombeiros aconselham fechar o registro de gás, afastar pessoas do local, desligar a chave geral de eletricidade e, se puder, retirar os materiais combustíveis do local. Depois, a vítima deve acionar o Corpo de Bombeiros.

Mais notícias