Fetems e Governo definem cronograma e reuniões seguem até 30 de novembro

Próxima reunião está marcada para o dia 30 de outubro

A criação de um cronograma de 30 de outubro a 20 de novembro com diversas reuniões, foi o engate para que a Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) e o Governo do Estado reabrissem as negociações para discutir e encontrar soluções para os principais pontos em atraso na educação sul-mato-grossense.

Na manhã desta sexta-feira (18), o presidente da Fetems, Jaime Teixeira e outros integrantes da federação estiveram reunidos com o secretário de Governo, Eduardo Riedel.

Para o dia 30, data da próxima reunião, a Fetems tratou de impor a principal pauta que tratará propriamente sobre o dia-a-dia dos servidores, situações administrativas das secretárias de educação como por exemplo, promoção, progressão de carreira, discussão de critérios para os processos seletivos.

“Tem outras pautas administrativas que foram colocadas. Os pontos principais são aqueles das eleições diretas, realização de concurso público de professores, chamada de concurso administrativo. Nós registramos nossa posição contrária a adesão do governo ao projeto de escola militar do governo Bolsonaro e também a importância de a gente ter concurso público e chamada de todos os companheiros”.

Desde julho, o Governo do Estado não ouvia a categoria e a reabertura das negociações foi bem recebido pelos servidores. “Nós achamos que na democracia, patrão e empregado tem que ter um espaço para debate e sem espaço para debate, isso não vai avançar. É positivo eles apresentarem os argumentos deles e nós os contra-argumentos”, finaliza Jaime.

Mais notícias