Família pede doação de sangue para homem diagnosticado com leucemia

Está internado no HRMS

A família de Airton da Silva Oliveira, 45 anos, está pedindo com urgência doação de sangue para o homem que foi diagnosticado com leucemia e está internado no HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul) em Campo Grande.

De acordo com familiares, Airton foi internado no último domingo (18) em estado delicado por conta da doença. A tipagem sanguínea dele é A positivo e recebe os tipos A positivo e negativo e O positivo e negativo.

As doações podem ser feitas no Hemosul, localizado na avenida Fernando Côrrea da Costa, 1304, em nome de Airton da Silva Oliveira, de segunda a sexta-feira das 7h às 17h e aos sábados das 7h às 12h.

Como doar sangue

Para doar sangue é preciso estar munido de um documento oficial com foto, como a carteira de identidade ou de motorista. Os doadores precisam ter entre 16 e 69 anos (menor de idade acompanhado de pai ou mãe ou responsável legal) e com peso mínimo de 55kg. A primeira doação pode ser feita somente até 60 anos. Acima desta idade, apenas para quem já é doador de sangue.

Doenças que impedem a doação: doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis. Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

Para doar sangue é necessário estar bem alimentado, mas é fundamental evitar alimentos com excesso de gordura no dia da doação.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Mais notícias